Janeiro de 2012
pag.4
 
 
Sindicato consegue aumento salarial para os trabalhadores dos condomínios, administradoras e "shoppings" de JF

     O SINDEDIF-JF (Sindicato dos Empregados em Edifícios e nas Empresas de Compra, Venda, Locação e Administração de Imóveis Comerciais e Residenciais de Juiz de Fora) acaba de conseguir aumento salarial para os trabalhadores dos condomínios, "shoppings centers" e administradoras de imóveis de Juiz de Fora.
     O índice de reajuste salarial foi de 10,27% e é considerado significativo porque o índice da inflação oficial, ou seja, o IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) de 2011, medido pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e
Estatística) e divulgado no dia 6 de janeiro de 2012, foi de 6,50% (bem inferior, portanto, ao índice de aumento salarial conquistado pelo SINDEDIF-JF). E o INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor), também medido pelo IBGE e muito utilizado pelos Sindicatos nas negociações coletivas, foi de 6,08% em 2011.
     Assim, os trabalhadores dos condomínios, "shoppings centers" e administradoras de imóveis da Cidade conseguiram a reposição integral das perdas salariais decorrentes da inflação e até um significativo ganho real, que foi de 3,77% em relação ao IPCA e 4,19% em relação ao INPC. Explicando melhor: quando se compara o percentual de reajuste salarial (10,27%) com o IPCA (6,50%), o ganho real dos trabalhadores é de 3,77%; mas quando se compara o reajuste salarial com o INPC (6,08%), este ganho real aumenta, chegando a 4,19%.
    Com o reajuste, o piso salarial dos empregados dos condomínios comerciais, centros comerciais ("shoppings centers"), administradoras de imóveis e administradoras de condomínios de Juiz de Fora passou de R$ 645,78 para R$ 712,10, enquanto o piso salarial dos empregados em condomínios residenciais passou de R$ 609,76 para R$ 672,38.
     A vigência da nova Convenção Coletiva de Trabalho da categoria, firmada entre o SINDEDIF-JF e o Sindicato dos Condomínios de Juiz de Fora e da Zona da Mata Mineira, abrange o período de 1º de janeiro de 2012 a 31 de dezembro do mesmo ano.
     A exemplo dos últimos três anos, também desta vez a Convenção foi celebrada no momento correto, ou seja, dentro do mês da data-base da categoria (1º de janeiro), ao contrário do que acontecia em anos anteriores, quando o Sindicato patronal demorava vários meses para firmar a Convenção com o Sindicato da categoria profissional. Assim, os salários de janeiro, que os trabalhadores dos condomínios, administradoras e "shoppings" geralmente recebem em fevereiro, já virão com o reajuste.

Sindicalista destaca ganho real dos trabalhadores

     Falando ao "O Combate" sobre o acordo salarial, o presidente do SINDEDIF-JF, Luiz José da Silva, afirmou: "Vale destacar o fato de este aumento salarial ter proporcionado a reposição integral das perdas salariais da categoria causadas pela inflação e ter garantido um significativo ganho real para os trabalhadores, já que o reajuste salarial de 10,27%, conquistado pelo Sindicato, foi bem superior aos índices inflacionários divulgados recentemente pelo IBGE. Parece que o ganho real, mesmo tendo chegado a 4,19%, é pouco, mas comparando-se o índice de aumento salarial (10,27%) com os índices inflacionários (IPCA de 6,50% e INPC de 6,08%), conclui-se que se trata de um ganho real considerável".
    Luiz ressaltou o esforço feito pela direção do Sindicato trabalhista para conquistar tal reajuste salarial para os trabalhadores: “Esperamos que os nossos companheiros trabalhadores reconheçam o nosso esforço e compreendam que não temos condições de fazer milagres. Fizemos o que nos foi possível, dentro da dura realidade de arrocho salarial que o Brasil vive, quando poucas categorias profissionais estão conseguindo ganho real nas negociações coletivas” – enfatizou o sindicalista.
     Em seguida, ele arrematou: “Infelizmente, o máximo que a maioria dos Sindicatos tem conseguido neste quadro de achatamento salarial é a reposição das perdas salariais. Mas nós, felizmente, conseguimos isso e até mesmo um expressivo ganho real, o que mostra que a nossa campanha salarial, mais uma vez, foi coroada
de pleno êxito”.

Luiz José da Silva
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
    EXPEDIENTE 

Jornal fundado pelo jornalista Djalma Medeiros em 06 de julho de 1952. Registrado no Cartório de Registro Civil de Pessoas Jurídicas da Comarca de Juiz de Fora sob o nº 80.
Diretor-Redator-Presidente: João Batista de Medeiros - Colaborador: M.R. Gomide (Redator de Turismo).
Redação: Rua Osvaldo Xavier de Souza, 586 - CEP 36.071-450 - Bairro: Santo Antônio Juiz de Fora - Minas Gerais - Celular: (32) 8845- 2991. E-mail: ocombate.jm@gmail.com

2011 © Direitos reservados Jornal O Combate    -    web por: GFT artes gráficas