Junho de 2011
pag.3
 
SINTRAPOSTO oferece convênios e serviços jurídicos aos trabalhadores

O Sindicato dos Trabalhadores em Postos de Serviços de Combustíveis e Derivados de Petróleo de Juiz de Fora e Região - SINTRAPOSTO-MG possui vários convênios com médicos, dentistas, advogados e outros profissionais, bem como com diversos estabelecimentos, para prestação de serviços aos seus associados. Maiores informações na sede da entidade, na Rua Halfeld, nº 414, sala 609, Centro, Juiz de Fora, ou pelo telefone 3216-3181. Além disso, o SINTRAPOSTO oferece também a prestação direta de serviços jurídicos, sem necessidade de se agendar hora para isso. O atendimento é feito na sede do Sindicato pelo advogado João Batista de Medeiros, às segundas, quartas e sextas-feiras, no horário de 15 às 17h, e se destina a todos os trabalhadores, sindicalizados ou não.

O advogado João Batista de Medeiros
atende aos trabalhadores às segundas, quartas e sextasfeiras, no horário de 15 às 17h, na sede do SINTRAPOSTO-MG
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Câmara já pode acionar comissão fiscalizadora

A Comissão Fiscalizadora da Câmara Municipal de Juiz de Fora, proposta pelo vereador José Emanuel (PSC), foi instituída por meio da Resolução 1.249. Três ou mais vereadores poderão se alternar para fiscalizar o cumprimento das leis municipais pelos estabelecimentos e órgãos públicos. Para uma ação abrangente e eficaz, a comissão pode solicitar o acompanhamento dos Fiscais de Posturas e da Guarda Municipal. José Emanuel tomou a iniciativa ao constatar que a população de Juiz de Fora poderia estar se beneficiando de vários dispositivos já em vigor e que não estão sendo cumpridos. “Com essa resolução, vamos poder cobrar mais”, disse.

Texto elaborado pela Coordenadoria de Comunicação Social
Fonte: Câmara Municipal de Juiz de Fora. Vereador José Emanuel

Vereador José Emanuel
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
EXPEDIENTE

Jornal fundado pelo jornalista Djalma Medeiros em 06 de julho de 1952.
Registrado no Cartório de Registro Civil de Pessoas Jurídicas da Comarca de Juiz de Fora sob o nº 80.

Diretor-Redator-Presidente: João Batista de Medeiros - Colaborador: M.R. Gomide (Redator de Turismo).
Redação: Rua Osvaldo Xavier de Souza, 586 - CEP 36.071-450 - Bairro: Santo Antônio Juiz de Fora - Minas Gerais - Celular: (32) 8845-2991. E-mail: ocombate.jm@gmail.com

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
O JORNAL “O COMBATE” NA REDE MUNDIAL DE COMPUTADORES

Agora em circulação “on line”, O COMBATE está cumprindo nova etapa em sua existência de 59 anos, sendo o jornal moderno com mais tempo de edição em Juiz de Fora. Seguimos com o mesmo objetivo: jornal do trabalhador para o trabalhador. E, também, pioneiro do turismo social no Brasil. Leitores tradicionais e internautas de todo o mundo direcionam O COMBATE em sua mesma diretriz. O site www.guiademidia.com.br, que é o mais completo e analítico em divulgação de veículos de comunicação impressa e “on line” de todo o Universo, enviou-nos a seguinte mensagem: O jornal O COMBATE foi adicionado no Guia de Mídia. Parabéns pelo site.

O GOOGLE - maior canal de notícias “on line” do mundo, divulga: - jornal O COMBATE em Juiz de Fora, Minas Gerais - O site traz O COMBATE, de Juiz de Fora, para a Internet - www.ocombate.com.br

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
* Construtora terá de indenizar servente de pedreiro obrigado a fazer refeições junto a fezes de animais
* Empregada tem direito à estabilidade provisória até o momento do aborto espontâneo
* Encerramento de atividades não dispensa empresa de pagar indenização substitutiva de estabilidade a gestante
* Ausência de depósitos de FGTS por sete anos é causa de rescisão indireta do contrato de trabalho
* Equipamento de proteção contra insalubridade não pode ser de uso coletivo
* Justiça do Trabalho declara nulidade da dispensa de empregado doente
* REDUÇÃO DO PRAZO PARA SACAR O FGTS
* GOVERNO DILMA QUER LIMITAR PAGAMENTO DO SEGURO-DESEMPREGO EM CASOS DE REINCIDÊNCIA
* Ministro da Previdência Social volta a falar sobre mudança na aposentadoria
2011 © Direitos reservados Jornal O Combate    -    web por: GFT comunicação visual