JT-MG anula justa causa de enfermeira acusada de não medicar paciente

| publicado 10/12/2019 01:50, modificado 10/12/2019 08:33 | Medicação deixou de ser ministrada em razão de perda de acesso venoso e não por falta da empregada. O juiz titular da 22ª Vara do Trabalho de Belo Horizonte, Jessé Cláudio Franco de Alencar, anulou justa causa aplicada pela Fundação Hospitalar São Francisco de Assis a uma Leia mais…